2008-09-11

Não vale a pena assobiar para o ar

No que respeita a praxes, «Mariano Gago anuncia que o seu ministério "lançará mão dos meios aptos a responsabilizar - civil e criminalmente, por acção ou omissão - os órgãos próprios das instituições do ensino superior, as associações de estudantes e ainda quaisquer outras entidades que, podendo e devendo fazê-lo, não tenham procedido de modo a procurar evitar os danos ocorridos"» (Público, via Universidade alternativa). Empreender felicita o ministro e congratula-se que ela vá de encontro à posição aqui defendida há meses, quando se afirmou: «Era importante que as consequências sobre estes actos recaissem não somente sobre quem os pratica mas também, quando eles se verifiquem nas instalações das instituições de ensino, muitas vezes sob o silêncio comprometedor dos seus dirigentes, fossem as próprias instituições objecto de penalização.»

Instagrams

© Vasco Eiriz. Design by Fearne.