2014-08-09

O ar que se respira

A fauna é este ano ligeiramente diferente. Habitualmente dominada por bifes, muitos deles numa idade que pede ao condomínio a colocação de corrimões nas escadas, conta o encarregado. Ainda assim, em Agosto dominam os tugas de alta cilindrada. Vêm juntos às três gerações de cada vez, mais as tias e a sua rede alargada. Há dois Porsche com chapa de 2014. Este ano, vá-se lá saber porquê, fala-se francês como nunca se ouviu. Estranha-se a ausência do distinto cavalheiro espanhol, aquele mesmo que, ano após ano, carrega ora o ABC, ora o El Mundo debaixo do braço. «A idade não perdoa», lembra a extrema fragilidade daquele andar em anos anteriores. Os dias passam. E finalmente, lá está ele, a passear de forma ainda mais frágil, desta vez com bengala. É o único que lê o jornal em papel. O resto é tudo tabuleiros e telefoneiros. Smart.

Instagrams

© Vasco Eiriz. Design by Fearne.